Whindersson Nunes traz  “A Volta do Que Não Foi” ao NJPAC

Foto9 Whindersson Nunes 004 Whindersson Nunes traz  “A Volta do Que Não Foi” ao NJPAC
O canal de Whindersson Nunes é, atualmente, o 2º do YouTube mais influente, segundo pesquisa feita pela Snack Intelligence

O YouTuber, músico e comediante apresentará o espetáculo “A Volta do Que Não Foi” em Newark (NJ)

Em 7 de março, sábado, o YouTuber, músico e comediante Whindersson Nunes se apresentará no New Jersey Performing Arts Center (NJPAC), no centro de Newark (NJ), com o espetáculo “A Volta do Que Não Foi”. Essa é a oportunidade de assistir a um dos maiores fenômenos da internet no Brasil dos últimos tempos.

. O início no YouTube:

O piauiense Whindersson Nunes Batista com 15 anos de idade, decidiu que queria fazer vídeos para o YouTube, tentou por diversas vezes fazer com que o seu canal fosse reconhecido, porém, não obteve êxito. No entanto, pouco tempo depois, voltou a produzir vídeos para o canal, e os vídeos passaram a receber mais visualizações. Foi quando lançou a paródia “Alô vó, tô reprovado”, em 2012, que alcançou a marca de 5 milhões de visualizações em uma semana. Na época, a paródia se transformou em um viral.

Ele, então, se mudou para Teresina, Piauí, onde não tinha onde morar, e foi convidado pelo também YouTuber Bob Nunes a viver com a família dele. A partir daí, o canal começou a crescer rapidamente, porém, no dia 20 de janeiro de 2013, o canal foi hackeado e excluído. Após essa ocorrência, Whindersson abriu o canal no qual é conhecido atualmente, já tendo alcançado a marca de mais de 34 milhões de inscritos, mais de dois bilhões de visualizações e mais de 330 vídeos, e tem conteúdo diversificado que inclui paródias, vlogs, músicas autorais e críticas de filmes. O canal é, atualmente, o 2º do YouTube mais influente, segundo pesquisa feita pela Snack Intelligence.

. A força dos YouTubers:

Em outubro de 2016, o canal dewhinderssonnunes se tornou o canal brasileiro com mais inscritos no Youtube. Porém, em fevereiro de 2018 passou a ser o 2º com mais inscritos, atrás do canal KondZilla. Em dezembro de 2019, entrou no ranking do instituto QualiBest como um dos maiores influenciadores digitais do Brasil. Atualmente, conta com 37 milhões de inscritos. Com o advento das redes sociais, os influenciadores, ou produtores de conteúdo, não dependem mais do rádio ou televisão para conquistar seguidores e obterem sucesso, com muitos deles acumulando fortunas.

. Filantropia:

Com tanto sucesso, Whindersson já acumulou fortuna e possui até avião particular, entretanto, continua realizando atos filantrópicos. Em maio de 2018, ele doou 25 mil reais para a construção de um triciclo adaptado para o estudante André Nunes Nachtigall, que tem paralisia cerebral. Este caso foi parar na justiça, tendo em vista que a empresa não entregou o produto. Em junho de 2018, anunciou o pagamento de uma viagem para uma seguidora que é portadora de AME (Atrofia Muscular Espinhal). A seguidora é Danieli Stochero, que irá tratar a doença na Itália. Em julho de 2018, fez a doação de uma prótese (avaliada em 14 mil reais) para a professora Katia Cilene, que perdeu o braço esquerdo em um acidente de trânsito.

. Vida pessoal:

Whindersson Iniciou um relacionamento com a cantora Luísa Sonza em março de 2016, casando-se com ela em 28 de fevereiro de 2018. Em 2019, deixou de trabalhar durante quatro meses para iniciar um tratamento contra depressão. Em entrevista concedida ao TV E Famosos, Whindersson Nunes declarou que uma das causas para o agravamento de sua depresão foi o fato de ter presenciado a situação da pobreza na cidade de Beira, em Moçambique, local no qual fez um show. A região tinha sido atingida pelo ciclone Idai.

. Show em Newark:

O New Jersey Performing Arts Center (NJPAC) é uma instituição âncora desde a sua criação, fundamentado na comunidade, promovendo iniciativas que impulsionam mudanças em na cidade de Newark e além. A ideia original surgiu com o então Governador Tom Kean, ou seja, a criação de um importante centro de artes cênicas foi articulada há mais de 30 anos e tornou-se realidade. Whindersson Nunes é um dos poucos brasileiros que se apresentaram no NJPAC.

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend