New Jersey receberá 130 mil doses de vacina contra o Corona

Screenshot 20201121 114117 YouTube New Jersey receberá 130 mil doses de vacina contra o Corona
“As notícias são muito boas no âmbito da pesquisa, mas a questão da produção e distribuição é bastante complicada” disse o governador

 

New Jersey receberá 130 mil doses da vacina produzida pela Pfizer contra o corona vírus até o natal. Pessoas vulneráveis e do grupo de risco terão prioridade. Médicos, enfermeiros, funcionários de farmácias e asilos, policiais, trabalhadores na área de primeiros socorros terão a oportunidade de se vacinarem primeiro, anunciou o governador Phill Murphy.

O governador se manifestou no mesmo dia em que o laboratório solicitou ao FDA – órgão que regulamenta a liberação de medicamentos no país – , o uso da vacina em caráter emergencial. A expectativa é que até no final de janeiro, cerca de 460 mil pessoas já estejam vacinadas. A população do estado, de acordo com o Censo 2019, é de 8,882 milhões de habitantes.
A liberação ou não da vacina será anunciada no dia 10 de dezembro, após a conclusão de um estudo realizado por um painel de especialistas em infectologia sobre a eficiência e riscos do novo mdicamento, que surgiu como a grande esperança no combate à pandemia. Estima-se que até o mês de maio, haja vacina para cerca de 5 milhões de pessoas.
Uma segunda vacina elaborada pelo laboratóro Moderna também poderá ser aprovada pelo FDA e é bastante promissora. Ambas as vacinas terão que ser ministradas em duas doses e, de acordo com os fabricantes, tem 95% de eficácia no combate ao covid19.
“As notícias são muito boas no âmbito da pesquisa, mas a questão da produção e distribuição é bastante complicada” disse o governador.
A comissária de saúde de New Jersey, Judith Persichilli, espera que os carregamentos com a vacina sejam enviados diretamente para o departamento de saúde do estado e hospitais e sejam distribuídos de forma uniforme e rápida para todo o território.
Pessoas acima de 65 anos e com doenças que as coloquem nos grupos de risco também terão prioridade no acesso ao medicamento.

Related posts

Send this to a friend