Enchentes no vale: um caso de polícia

tadeu enchente 300x225 Enchentes no vale: um caso de políciaQuando o Vale foi inundado
alguns prefeitos aumentaram a poupança
mas o povo ainda tem esperança
que isto um dia será cobrado

Enquanto isto, sem malícia
no meio de muita gente
um medinense faz da enchente
um sério caso de polícia

Em Medina, num dia escuro
o Baiano no seu caminhão
perdeu o jogo da direção
e bateu de cheio num muro

A dona da casa saiu chorosa
ao ver o muro derrubado
mandou logo buscar um soldado
e começou a falar nervosa:

“Olha o que você fez desgraçado
você vai ter que me pagar
e para você não reclamar
eu já mandei chamar um soldado”

Juntou gente de toda idade
para ouvir a discussão
Paga! Não pago! Paga! Pago não!
que durou até chegar a autoridade

O soldado, militar de gabarito
ficou palitando as unhas
ouviu as partes e as testemunhas
e apresentou o seu veredicto:

“Baiano cê paga o muro
porque senão vai ser pió
eu te meto no xilindró
e cê estraga o seu futuro”

O Baiano subiu nas tamancas
ao ouvir tal heresia
perdeu a RIMA e a covardia
e gritou botando banca:

“Se você me prender
porque derrubei esta banda de muro,
eu exijo que prenda o Rio Jequitinhonha
que só na cidade de Itaobim
derrubou mais de quinhentas casas”.

Related posts

Comentários

Send this to a friend