Vera Reis sobrevive ao coronavírus e luta contra o câncer 

Vera Reis 002 Vera Reis sobrevive ao coronavírus e luta contra o câncer 
Popular no bairro do Ironbound, em Newark (NJ), Vera Reis registra os principais eventos que ocorrem na comunidade de língua portuguesa na região (Foto: Facebook)

A doença foi descoberta enquanto Vera Reis ainda estava internada se tratando do Covid19 

No final de abril, a paulista Vera Reis, fotógrafa e colunista do Brazilian Voice Newspaper, moradora em Newark (NJ), foi de carro com um dos filhos à uma filial da CVS para ser submetida a um exame do coronavírus; após ter sentido sintomas parecidos com uma gripe forte. Poucos dias depois, um telefonema do jovem para a mãe confirmou aquilo o que todos na casa temiam: Ela testou positiva para o vírus.

“Meu filho Ricardo me ligou perguntando como eu estava me sentindo. (Eu) via que havia uma coisa importante a dizer, mas ele pediu pra falar com o pai, o que não foi todo mal por que eu estava cozinhando e estava difícil de segurar o celular”, relatou Reis. “Passei o fone ao Álvaro e com duas palavras ditas e o silêncio pesado que veio seguir, eu pude compreender! Não foi necessário palavras para me fazer entender… Eu havia contraído o coronavírus!”

Assim que ouviu a notícia, em choque, a colunista demorou alguns segundos para processar a informação.

“Aquele vírus que estava ameaçando a China que fica do outro lado do mundo, estava dentro de minha casa, mais exatamente dentro de mim! Isso me soou imediatamente como uma sentença de morte! Respirei fundo! Desliguei os botões do fogo e mergulhei num mar de pesadelos. A primeira pessoa que me lembrei foi de minha amiga Liane, que trabalhava na ambulância, que se foi apenas tres dias depois de receber um diagnóstico positivo. Ela era uma pessoa forte, poderosa e sucumbiu em poucos dias . O que seria de mim ali tão frágil, tão dependente?” Acrescentou.

Após vários dias internada no Hospital Universitário de Newark (UMDNJ), Vera foi liberada no início de maio e atualmente recupera-se aos poucos em casa, no bairro do Ironbound, em Newark (NJ).

“Acabei hoje meu tratamento com a medicina e devo esperar por duas semanas para total incubação e repetição do exame! Tenho certeza que dará negativo! E esta comunidade conhecerá uma nova mulher! Uma fotógrafa de primeira linha, e um ser humano infinitamente melhor! Deus nos abençoe a todos! PS: milagrosamente nem a vó (sogra) e nem o Álvaro (marido) pegaram o vírus!! Mistérios de Deus com a nossa família!” Postou Reis em sua página no Facebook, na sexta-feira (8).


. Segundo diagnóstico:

Entretanto, enquanto estava internada no UMDNJ, outros exames revelaram um tumor no abdômen dela e que já havia afetado (metástase) parcialmente o fígado dela. Em entrevista à equipe de reportagem do BV, no sábado (30), Vera relatou que iniciará o tratamento quimioterápico na quarta-feira (3), no mesmo hospital, onde está sendo acompanhada por um dos melhores oncologistas do estado. Com a consequente redução do tumor após o tratamento, ela será submetida à cirurgia de extração.

A colunista relatou que, ironicamente, foi durante o tratamento do coronavírus que o câncer foi descoberto. Ela acrescentou que, se estivesse em tratamento contra o câncer antes de ter contraído o coronavírus, o organismo dela estaria fragilizado, portanto, agravando a doença.
Popular na comunidade, Vera têm recebido o apoio e carinho de inúmeros amigos, sejam pessoalmente ou através das redes sociais. Brevemente, será iniciada uma campanha beneficente em prol dela, durante o tratamento quimioterápico.

Related posts

Comentários

Send this to a friend