Newark encontra mulher desaparecida e diagnosticada com coronavírus

Foto2 Ras Baraka Newark encontra mulher desaparecida e diagnosticada com coronavírus
O Prefeito Ras Baraka pediu ajuda à população através da página da Prefeitura de Newark no Facebook

A paciente havia dado nome e endereço falsos quando deu entrada no East Orange General Hospital

Uma mulher que deu entrada no East Orange General Hospital, semana passada, e testou positivo para o coronavírus (COVID-19) estava desaparecida até que o Prefeito Ras Baraka fez um apelo à população, na tarde de terça-feira (17). Ele, através de um discurso intenso postado na página da Prefeitura de Newark (NJ) no Facebook, relatou que a mulher havia fornecido um nome e endereço falsos quando foi examinada, no último final de semana.

Quando policiais foram ao endereço dela para informá-la que estava doente e, portanto, precisava retornar ao hospital para tratamento, eles descobriram a mentira. O incidente resultou no pedido urgente de apelo e a ameaça de ações judiciais na tentativa de encontrá-la. Aproximadamente 2 horas depois, Baraka informou ao canal de TV News 4 New York que a mulher havia sido encontrada. Conforme o Prefeito, ela relatou que estava de quarentena, entretanto, a Prefeitura ainda averigua essa afirmação.

Até à manhã de terça-feira (17), foram confirmados 178 casos de coronavírus em New Jersey, incluindo 20 casos no Condado de Essex, que abrange Newark. Não foi detalhado se esses números incluem a mulher que estava desaparecida.

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend