ICE prende indocumentado procurado por abuso sexual de menor 

Kristian Jonas Gamez Trejo ICE prende indocumentado procurado por abuso sexual de menor 
Kristian Jonas Gamez Trejo, de 25 anos, natural de Honduras, entrou clandestinamente nos EUA diversas vezes (Foto: ICE)

Kristian Jonas Gamez Trejo, de 25 anos, natural de Honduras, estava na lista “Mais Procurados pelo Setor de Operações de Repressão e Remoção (ERO) 

Um estrangeiro que estava na lista do “ICE Most Wanted”, condenado por ter feito sexo com um menor de idade, foi preso pelos oficiais do Departamento de Imigração (ICE) em 28 de abril. Kristian Jonas Gamez Trejo, de 25 anos, natural de Honduras, estava na lista “Mais Procurados pelo Setor de Operações de Repressão e Remoção (ERO)

(https://www.ice.gov/most-wanted/gamez-trejo) quando foi detido em San Francisco, Califórnia, pelas equipes de operações gerais e busca de fugitivos do ERO.

“Mais uma vez, estou esperando que as autoridades de São Francisco me digam como não entregar o Sr. Gamez tornou nossa comunidade mais segura. Os moradores de São Francisco merecem melhor”, disse David Jennings, diretor do ICE em São Francisco. “Não há razão para que esse predador condenado devesse ter sido libertado em nossa comunidade. A política equivocada de santuário SB54 da Califórnia permite que as autoridades locais entreguem ao ICE qualquer estrangeiro criminoso condenado por crimes de exploração sexual ou crimes que ponham em perigo crianças”.

Gamez entrou clandestinamente nos EUA antes de abril de 2014 em um local desconhecido. Ele foi preso pela Patrulha de Fronteira (CBP) em abril de 2015 e deportado para Honduras pelo ICE em junho de 2015. Ele voltou a entrar ilegalmente nos Estados Unidos em uma data desconhecida em 2015 e foi preso pela Patrulha de Fronteira dos EUA. Sua ordem de remoção foi restabelecida e ele foi deportado para Honduras pela segunda vez em dezembro de 2015. Em uma data desconhecida, ele voltou a entrar ilegalmente nos Estados Unidos.

Em agosto de 2016, Gamez foi preso pelas autoridades locais sob um mandado de prisão de 28 de abril de 2014 por sexo criminoso com menor de idade. Naquela época, o ICE emitiu à Penitenciária do Condado de San Francisco um pedido de transferência voluntária de Gamez. O pedido não foi atendido e Gamez foi liberado. Ele foi condenado por sexo criminoso com menor de idade em novembro de 2016 e sentenciado a 87 dias de prisão com cinco anos de liberdade condicional.

Durante 2017, o ICE emitiu vários pedidos de prisão em nome de Gamez, depois que ele foi preso pelas autoridades locais quatro vezes sob acusações locais em janeiro, abril, maio e agosto. A Penitenciária do condado de San Francisco ignorou todos os pedidos do ICE em 2017 em nome de Gamez e o liberou de volta à comunidade todas as vezes.

Gamez foi preso por autoridades locais em 12 de abril de 2019. A ICE emitiu um detido de prisão à Penitenciária Principal de Sonoma County e o Condado de San Francisco emitiu um mandado por violação de liberdade condicional pela condenação criminal de Gamez por sexo com um menor. Ele foi transferido para o Condado de São Francisco do Condado de Sonoma em 17 de maio de 2019, de acordo com esse mandado. A ICE emitiu outro pedido de prisão em 18 de maio de 2019 ao Condado de São Francisco. Gamez foi condenado em 1º de outubro por acusações de agressão física criminosa e sentenciado a 180 dias de prisão. Em 13 de fevereiro, a Penitenciária do condado de São Francisco liberou Gamez de volta à comunidade pela sexta vez, sem atender aos pedidos da ICE, segundo o órgão.

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend