Cory Booker não qualificou para debate na quinta-feira (19)

Foto9 Cory Booker Cory Booker não qualificou para debate na quinta feira (19)
“Eu estou nisso para vencer porque eu acredito ser o melhor candidato para vencer Donald Trump e liderar o país num nível mais elevado”, postou Booker no Twitter

Os candidatos devem ter o mínimo de 200 mil doadores únicos, incluindo pelo menos 800 doadores em 20 estados ou territórios, entre outros requisitos

Na quinta-feira (12), o Senador Cory Booker adiantou que não qualificará para participar do debate democrático (DNC) na quinta-feira (19). Entretanto, ele insistiu que ainda tem possibilidade de “vitória”, apesar dos baixos índices de doações na campanha e falta de liderança nas pesquisas de opinião pública.

“Hoje, é a data limite para a qualificação para o debate do DNC em dezembro e, apesar de eu possivelmente não estar no debate na próxima quinta-feira (19), obrigado pelo apoio imenso ao longo das últimas semanas. Nós sabemos que existe a chance de vitória, portanto, não precisamos mais de debate para conquista-la”, postou Booker no Twitter.

Posteriormente, ele postou outra mensagem, afirmando que estava na disputa para vencer.

“Eu não estou insistindo por vaidade ou ego. Eu estou nisso para vencer porque eu acredito ser o melhor candidato para vencer Donald Trump e liderar o país num nível mais elevado”, diz a postagem.

Uma pesquisa de opinião realizada pela Quinnipiac University, divulgada na terça-feira (10), revelou que somente 1% dos eleitores preferem Booker entre os outros candidatos.

O gerente de campanha de Booker, Addisu Demissie, disse a repórteres que os procedimentos em andamento de impeachment seriam a prioridade do Senador de agora em diante.

“Nós construiremos toda a nossa campanha em torno disso. Nós realmente não sabemos quanto tempo levará isso, portanto, estamos flexíveis com relação ao assunto”, comentou Dimissie.

Booker angariou mais de US$ 6 milhões no 3º trimestre, entretanto, as arrecadações dele ainda ficam atrás dos candidatos líderes na disputa democrata para as eleições presidenciais de 2020, incluindo Joe Biden, Bernie Sanders e Elizabeth Warren.

Para qualificar para o debate, os candidatos devem alcançar pelo menos 4% de apoio nas últimas 4 pesquisas nacionais ou estaduais ou 6% de apoio em pelo menos 2 pesquisas estaduais de opinião realizadas por entidades qualificadas. Além disso, os candidatos devem ter o mínimo de 200 mil doadores únicos, incluindo pelo menos 800 doadores em 20 estados ou territórios.

Biden, Sanders, Warren, Pete Buttigieg, Amy Klobuchar, Tom Steyer e Andrew Yang qualificaram. Tulsi Gabbard também não qualificou.

O debate democrata será mediado pelo “PBS Newshour” e “Político” e ocorrerá na Loyola Marymount University, em Los Angeles (CA), sendo exibido pelo PBS e a maioria dos canais de TV a cabo e websites.

 

Related posts

Send this to a friend