Brasil fecha voos para todas as nacionalidades, incluindo os EUA

1021119 19052016  dsc7598 scaled Brasil fecha voos para todas as nacionalidades, incluindo os EUA
Na América do Norte, Central e Caribe os brasileiros podem acessar o número: + 55 (61) 9826 00 610. Aeroporto Internacional Tom Jobim (detalhe)

Até então, os Estados Unidos não estavam incluídos na relação dos países que tiveram os voos proibidos de entrar no Brasil, devido a pandemia de coronavírus

Na noite de sexta-feira (27), o Governo Federal do Brasil decidiu endurecer as regras referente ao fechamento de suas fronteiras em decorrência da pandemia de coronavírus (Covid-19). Desta vez, as restrições incluem todos os países da União Européia (EU) e agora os Estados Unidos, que até então não estava incluído. A determinação é válida por 30 dias e começará a vigorar a partir de segunda-feira (30).

A portaria foi editada pelos ministros da Justiça, Sérgio Moro, da Saúde, Luís Henrique Mandetta, da Casa Civil, Braga Netto, e Infraestrutura, Tarcísio Gomes. A entrada no país não será vetada a brasileiros, sejam eles natos ou naturalizados, imigrantes com residência fixa no país, parentes diretos de brasileiros e profissionais estrangeiros que estejam em missão de organismos internacionais.


. Ajuda a brasileiros no exterior:

Foi criado, no Ministério das Relações Exteriores (Itamaraty), Gabinete Consular de Crise para assistência a viajantes brasileiros afetados pela pandemia do novo coronavírus no exterior. Os dados reunidos serão utilizados na busca de soluções para todos os brasileiros atualmente impedidos de retornar ao Brasil. Para informações específicas, não deixe de verificar a página eletrônica da repartição consular brasileira mais próxima. O formulário pode ser acessado através do link: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScNWoyWrm0VumlkvRVFhjcOUbyAmpAs1gaG1oRx0A91ekeVsw/viewform

Em 28 de janeiro, o Consulado Geral do Brasil em Nova York publicou em seu website (http://novayork.itamaraty.gov.br/pt-br/) um boletim informativo sobre o coronavírus (2019-nCoV). O boletim contém informações gerais sobre a situação epidemiológica no Brasil e no mundo, bem como sobre o Plano de Contingência Nacional para Infecção Humana pelo novo Coronavírus (2019-nCoV), a ser aplicado em caso de surto da doença em território brasileiro. Inclui, também, um Guia de Vigilância Epidemiológica e de Vigilância Laboratorial. Outros boletins serão divulgados regularmente, no intuito de atualizar as informações, e poderão ser acessados por meio do website http://saude.gov.br/saude-de-a-z/novocoronavirus.

Se você é idoso, talvez esteja assustado com as últimas notícias sobre o coronavírus. Elas informam que mais da metade das vítimas (fatais) dessa infecção tem mais de 50 anos de idade e diagnóstico de alguma doença crônica.

O novo vírus, que ataca o sistema respiratório, teve seu ponto de partida na região de Wuhan, na China, deixando o mundo todo em alerta. Apelidado pelos cientistas de 2019-nCoV, ele pertence à família dos coronavírus, um grupo que reúne desde agentes infecciosos que provocam sintomas de resfriado até outros com manifestações mais graves, como os causadores da SARS (sigla em inglês para Síndrome Respiratória Aguda Grave) e da MERS (Síndrome Respiratória do Oriente Médio).

. Contatos:

Também estão disponíveis os seguintes números telefônicos para assistência aos brasileiros, divididos em regiões geográficas:

. América do Sul: +55 (61) 9826 00 767
. América do Norte, Central e Caribe: + 55 (61) 9826 00 610
. Europa: + 55 (61) 9826 00 787
. África e Oriente Médio: + 55 (61) 9826 00 568
. Ásia e Oceania: + 55  (61) 9826 00 613

 

Related posts

Comentários

Send this to a friend